É bom saber

 

 

 

 

Por que o ano bissexto é tão importante para a humanidade.
Por  Marina Demartini, de EXAME.com
 
São Paulo – O ano de 2016 é bissexto e, por isso, a humanidade será agraciada com um dia a mais – para ser mais exato, 29 de fevereiro. A cada quatro anos é a mesma história. No entanto, o que essa adição significa para o cotidiano das pessoas?
Nosso calendário ocidental, entre outros fatores, é baseado na rotação da Terra em torno do Sol, que tem duração de 365,24219 dias. Por isso, um ano tem, geralmente, uma duração de 365 dias, cinco horas, 48 minutos e 48 segundos, ou 365,24219 dias. Essa fração, arredondada para seis horas, é compensada no ano bissexto, que tem 366 dias – afinal, seis horas em quatro anos significa 24 horas, ou seja, um dia a mais.
Esse dia extra mantém o nosso calendário em funcionamento. Se mantivéssemos todos os anos com 365 dias, os meses iriam gradualmente variar com o sol até que o verão se transformaria em inverno, por exemplo.
Desse modo, planejar o futuro seria extremamente complicado, principalmente, quando o assunto é a manutenção de tradições religiosas – como a Páscoa e o Natal – e as temporadas agrícolas. Por isso, várias culturas estabeleceram um sistema preciso e previsível.
Senta que lá vem história
O primeiro calendário com o comprimento atual de dias e anos foi criado pelo imperador romano Júlio Cesar – porém, ele incluiu o ano bissexto com uma frequência de três em três anos.
Foi com César Augusto, herdeiro de Júlio Cesar, que esse erro foi corrigido e o ano bissexto passou a ser contado de quatro em quatro anos. Mas, foi o Papa Gregório XIII que optou pela perda de três dias no ano a cada 400 anos.
O resultado dessas mudanças é o calendário como conhecemos. Entretanto, para ajustar essa fração desigual, essa regra é ignorada a cada 100 anos e o dia não é adicionado -- e a cada 400 anos essa regra dos 100 anos é desconsiderada e o ano recebe um dia extra.
Um ano que explica muito bem essa confusão de regras é o 2000. Ele não deveria ter sido considerado um ano bissexto, pois caiu na norma dos 100 anos. No entanto, como ele é divisível por quatro e por 400 anos, a regra dos 100 anos foi ignorada e o dia 29 de fevereiro foi incluído.
Problemas na regra
Devido a essa solução de longo prazo em 2000, o comprimento do ano ficou com 365,2425 dias – ainda um pouco distante dos usuais 365,24219 dias. Esse erro deixou uma diferença de quase um dia em um período de um pouco menos de quatro mil anos
Por isso, há a inclusão de um segundo no final de junho ou dezembro. Esse ajuste é determinado pelo Serviço Internacional de Sistemas de Referência e Rotação da Terra, de acordo com os movimentos do planeta e do Sol. 
Desse modo, no fim, o ano bissexto é uma invenção do homem para controlar suas ações e se sentir parte do universo ao seu redor. 
 

 

 

 

 

Significado das frases de nosso Hino Nacional          

Música: Francisco Manoel da Silva

Letra: Joaquim Osório Duque Estrada

 

 
Ouviram do Ipiranga às margens plácidas (tranquilas)
De um povo heróico o brado (grito) retumbante (estrondoso)
E o sol da Liberdade, em raios fúlgidos (brilhantes)
Brilhou no céu da Pátria nesse instante,
Ouviram o brado retumbante de um povo heróico, às margens do (rio) Ipiranga. Neste instante, o sol da liberdade em raios fúlgidos brilhou no céu da pátria.
Se o penhor (garantia) dessa igualdade
Conseguimos conquistar com braço forte,
Em teu seio, ó liberdade,
Desafia o nosso peito a própria morte!
Se conseguimos conquistar com braço forte, o penhor dessa igualdade, em teu seio (ó Liberdade) desafia nosso peito a própria morte.
Ó pátria amada, idolatrada (adorada), Salve! Salve!
Brasil, um sonho intenso, um raio vívido (que tem vivacidade)
De amor e de esperança à terra desce.
Se em teu formoso céu, risonho e límpido,
A imagem do Cruzeiro resplandece (brilha intensamente)
Brasil! Um sonho intenso, um raio vívido de amor e de esperança, desce à terra se a imagem do Cruzeiro resplandece em teu céu formoso, risonho e límpido.
Gigante pela Própria natureza
És belo, és forte, impávido (destemido), colosso (gigante)
E o teu futuro espelha essa grandeza,
Terra adorada.
Entre outras mil, és tu, Brasil, ó Pátria amada!
Dos filhos deste solo és mãe gentil, Pátria amada, Brasil.
Deitado eternamente em berço esplêndido (admirável)
Ao som do mar e à luz do céu profundo,
Fulguras (emanação elevada do pensamento ou claridade não acompanhada de estrondo), ó Brasil, florão (abóbada) da América,
Iluminado ao sol do Novo Mundo!
Do que a terra mais garrida (alegre, vistosa)
Teus risonhos lindos campos têm mais flores
Nossos bosques têm mais vida,
Nossa vida, no teu seio, mais amores.
Teus lindos campos risonhos têm mais flores do que a terra mais garrida. Nossos bosques têm mais vida, nossa vida no teu seio, mais amores.
Ó Pátria amada, idolatrada. Salve! Salve!
Brasil, de amor eterno seja símbolo
O lábaro (céu) que ostentas estrelado,
E diga o verde-louro desta flâmula (bandeira)
Paz no futuro e glória no passado.
Brasil! O lábaro estrelado que ostentas seja símbolo de amor eterno. E (que) o verde louro desta flâmula diga: "Paz no futuro e glória no passado".
Mas se ergues da justiça a clava (pau curto mais volumoso em uma extremidade usado como arma) forte,
Verás que um filho teu não foge à luta,
Nem teme quem te adora a própria morte
Mas verás que um filho teu não foge a luta se ergues a clava forte da justiça, (e verás que) nem quem te adora a própria morte teme.
Terra adorada!
Entre outras mil és tu Brasil, ó Pátria amada!
Dos filhos deste solo és mãe gentil.
Pátria amada, Brasil.

 

 

 

 
VEJA COMO DIFICULTAR A VIDA DO LADRÃO DE CELULAR
 
Ter o celular roubado ou perdido é algo a que todos estão sujeitos, infelizmente. A partir deste momento, existem algumas coisas que podem ser feitas para tentar recuperar seu celular ou, no pior dos casos, simplesmente bloqueá-lo.
Abaixo estão algumas dicas de como minimizar seus problemas se isso acontecer:
Como tentar rastrear seu celular no...
Android
Se você deixou seu celular conectado à internet, você pode entrar no site http://www.google.com/android/devicemanager para tentar rastreá-lo. Este site mostra a localização mais recente do seu smartphone.
Reprodução
No caso de o aparelho ter sido roubado, é bom lembrar: não é uma boa ideia tentar recuperá-lo por conta própria, já que o ladrão pode estar armado. O ideal é comunicar a polícia.
Outras opções importantes apresentada no site são “Apagar” e “Bloquear”, que remove todas as suas informações pessoais do aparelho, protegendo sua privacidade, e impede que a pessoa que roubou o celular o utilize livremente.
O site também ajuda a achar seu celular quando ele estiver perdido perto de você. Ao pressionar “Tocar”, o aparelho começa a fazer barulho para permitir que seja encontrado. Ele é mais adequado para o momento em que você perde o smartphone entre as almofadas do sofá, por exemplo.
iOS
O iPhone tem um recurso chamado Buscar Meu iPhone que funciona de modo semelhante ao Device Manager do Android. Ele localiza o aparelho que esteja conectado à internet e permite algumas ações para minimizar seu prejuízo com a perda do aparelho. Para acessar a ferramenta, entre https://www.icloud.com/#find.
Reprodução
Ativando o Modo Perdido, o celular é bloqueado e passa a exibir uma mensagem para que quem achá-lo contate seu dono original. Sua localização será mostrada sempre que o aparelho estiver conectado à internet. Novamente: não é uma boa ideia tentar recuperá-lo por conta própria.
Também há o recurso de “Apagar iPhone”, que limpa todas as informações do iPhone e impede sua utilização, tornando o aparelho inútil. Deve ser usado quando não há mais esperança de recuperar o aparelho.
“Reproduzir Som”, como o nome já diz, faz um barulho alto para que você consiga encontrar o celular quando ele estiver perto de você.
Windows Phone
O WP também tem uma ferramenta para encontrar o telefone. Ela está disponível no site https://www.windowsphone.com/pt-br/my/find, que permite localizar, bloquear e apagar o celular.
Reprodução
As opções são autoexplicativas. Localizar o celular mostrará sua posição no mapa para que você possa tentar recuperar. Frisando novamente: não é uma boa ideia tentar recuperá-lo por conta própria.
Bloqueá-lo restringirá o acesso ao aparelho e exibirá uma mensagem para que quem encontrá-lo o devolva. Por fim, selecionar a opção de Apagar irá remover todos os dados do aparelho e tentará inutilizá-lo para sempre, evitando que o ladrão ou um receptador o utilize.
Bloqueio de IMEI
Se você tem certeza de que perdeu seu smartphone para sempre, certifique-se de não realizar apenas o bloqueio do número telefônico, já que um novo chip SIM resolve este problema para o ladrão. Sua arma mais poderosa para inutilizar o celular na mão do ladrão é o bloqueio de IMEI, um código numérico que identifica o modelo do smartphone.
Ao realizar esta trava, o aparelho se torna inútil na mão do criminoso ou do receptador, desencorajando possíveis atos semelhantes no futuro. Bloquear o IMEI de um celular roubado é praticamente uma obrigação civil.
Portanto, se isso acontecer com você, registre o boletim de ocorrência o mais breve possível na Polícia Civil. É possível registrar a queixa pela internet no site da Secretaria de Segurança Pública do seu estado.
Com o B.O. em mãos, você pode ir até alguma loja da sua operadora e solicitar o bloqueio do IMEI. O processo não é demorado.
Como obter o número de IMEI
Ter o número do IMEI do seu celular é importantíssimo. Se você ainda o tem em mãos, abra o aplicativo de chamadas telefônicas e digite *#06#. Isso vale para Android, iOS e Windows Phone. Anote o número que vai aparecer na tela e guarde-o em algum lugar seguro e fácil de lembrar.
No entanto, existe a possibilidade de você já ter perdido o aparelho e não ter guardado o número. Normalmente, ele vem marcado na caixa do celular. Caso você tenha jogado no lixo (recomendamos profundamente guardá-la pelo menos enquanto você ainda usa o produto), existem outras formas de descobrir:
No Android:
Acesse o site https://www.google.com/settings/dashboard. O site mostra todos os dispositivos conectados na sua conta do Google com o número de IMEI.
No iPhone:
O iTunes instalado no seu computador mostra o número de IMEI do iPhone que você conectou à sua máquina.
http://olhardigital.uol.com.br/…/veja-o-que-fazer-se-…/46602

 

 

 

 

 

Mapa do boi: saiba qual é o melhor preparo para cada tipo de corte.


 

 

O marinheiro de primeira viagem já passou por isso. Você está no açougue, olhando todos aqueles pedaços e nomes de carne. Para que servem cada um deles? Qual eu levo para fazer um picadinho? E a carne de panela da vovó, com que peça é feita?
 
Para acabar com essas e outras dúvidas, consultamos especialistas no assunto para localizar os cortes bovinos mais populares e apontar as melhores aplicações para cada um deles.
 
Embora algumas pessoas ainda falem em carne "de primeira" e "de segunda", essa classificação foi abandonada, já que não reflete a qualidade do corte, mas sim à quantidade de colágeno que cada um apresenta. "A primeira categoria tem pouco colágeno, a segunda um pouco mais e a terceira tem bastante", diz Alain Poletto, chef e sócio do Bistrot de Paris.
 
No entanto, sua quantidade na carne não é algo que se veja a olho nu. Portanto, na hora de comprar, escolha a peça de acordo com a receita que vai fazer e observe a aparência: a carne deve estar fresca, firme e tenra, com uma cor vermelha intensa e uniforme, isto é, sem manchas. Uma boa embalagem e um rótulo completo, onde constem procedência, tipo e datas, também são bons indicativos de controle de qualidade.
 
Veja a seguir os principais cortes e os preparos adequados para cada um deles:
 
1 – Músculo dianteiro: um dos cortes mais saudáveis do boi é uma carne fibrosa, saborosa, pobre em gordura, mas rica em colágeno. Seu cozimento pede bastante calor e umidade, sendo indicado para sopas, caldos de carne e carne de panela.
 
2 – Peito: possui uma gordura superficial que impede o ressecamento da carne durante o longo tempo de cozimento exigido. Pode ser usado em caldos, sopas, refogados e cozidos em molho. 
 
3 – Pescoço: sendo a continuação do peito, é uma carne semelhante, que pode ser usada nos mesmos preparos. É um corte que requer cozimento longo e é indicado para ensopados, cozidos e caldos. 
 
4 – Acém: é o maior e mais macio dos cortes dianteiros do boi. É uma carne relativamente magra, que requer bastante calor e umidade durante o cozimento e fica boa em ensopados, cozidos de panela e picadinhos.  
 
5 – Cupim: situada no dorso de bois zebuínos originários da Índia, essa carne é fartamente entremeada de gordura e tem sabor único e acentuado. É um corte praticamente desconhecido nos países da Europa, nos Estados Unidos e nos países vizinhos Uruguai e Argentina, onde se criam apenas raças europeias. Pede cozimento lento, preferencialmente enrolado em celofane culinário, para que se mantenham os sucos da carne.
 
6 – Paleta: da pata dianteira do boi, retiram-se três cortes, o peixinho, a raquete e o miolo de paleta. Menos nobres, são carnes suculentas e saborosas, mas que pedem cozimento lento e longo. São cortes indicados para o preparo de picadinhos e cozidos de panela. 
 
7 – Capa de filé: é uma carne saborosa e com médio grau de dureza. Com grande quantidade de nervos e espessa camada de gordura, exige bastante tempo de cozimento. Indicada para ser usada moída, em ensopados e picadinhos.
 
8 – Filé de costela: também conhecida como costela de ripa ou filé de costela, é a carne que reveste a parte superior da caixa torácica do boi. Com ossos maiores e mais largos, é um corte saboroso que requer longo cozimento, seja no fogão ou na churrasqueira.
 
9 – Aba do filé: também conhecida como bife do vazio. Por ser uma carne extremamente enervada, é própria para ser preparada moída.
 
10 – Ponta de agulha: também conhecida como costela de minga, é a carne que reveste as últimas costelas do boi e pertence à categoria dos cortes com mais colágeno. É mais bem aproveitada moída ou na churrasqueira.
 
11 – Contrafilé: também conhecido como entrecorte e bife chouriço, é uma peça grande de onde se origina a bisteca. É ideal para fazer bifes, medalhões e rosbife, podendo ser grelhado no fogão ou na churrasqueira, em alta temperatura e por pouco tempo. Deve ser servido mal passado ou ao ponto. 
  
12 – Filé mignon: é o mais macio dos cortes bovinos e tem sabor menos acentuado que seus "vizinhos" alcatra e contrafilé. A peça é um músculo liso e comprido, sem nervos, fibras ou gorduras. Ideal para bifes altos como o tournedor e o medalhão, também pode ser empregado em rosbifes, picadinhos, estrogonofe, assados e refogados.
 
13 – Fraldinha: localizada na lateral do boi, é uma peça pequena, porém muito suculenta e macia apropriada para a churrasqueira, mas também para cozidos de panela, estrogonofe e espetinhos.
 
14 – Maminha: corte retirado da alcatra, famoso pela maciez, suculência e sabor suave. É uma carne indicada para assados na churrasqueira e no fogão e cozidos de panela.
 
15 – Alcatra: junto com filé mignon, o contrafilé e a picanha, essa carne faz parte do quarteto nobre das carnes bovinas. É um corte magro e saboroso, do qual se originam outros cinco cortes: a picanha, a maminha, o miolo de alcatra ou baby beef, o tender steak e o top sirloin. 
 
16 – Picanha: criado na década de 1970 é um corte caracterizado pelo sabor acentuado e maciez, garantidos pela camada de gordura externa que o reveste. Famosa no churrasco, também se presta ao preparo de cozidos e assados no forno e na panela.
 
17 – Patinho: carne magra, com fibras macias, ideal para bife a milanesa, escalopes e carne moída, mas pode ser usada também em cozidos, ensopados e picadinhos.
 
18 – Coxão mole: também conhecido como chã de dentro, é um corte macio ideal para assados, ensopados, picadinhos, escalopes, bife a milanesa ou para carne moída.
 
19 – Lagarto: localizada na parte traseira do boi, é a peça que separa o coxão duro do coxão mole. Com fibras longas e duras e gordura externa, é uma carne saborosa e versátil, mas pouco suculenta ideal para assados e cozidos, preferencialmente com molho. 
 
20 – Coxão duro: também conhecido como chã de fora, é um corte com fibras mais duras e necessita de cozimento mais longo. Apropriado para o preparo de carnes recheadas, cozidos de panela e rosbife, ou moído em refogados e molhos.
 
21 – Músculo traseiro: é dessa peça que se extrai o ossobuco, famoso corte redondo, com osso e tutano, que deve ser cozido lenta e longamente. 
 
Além de todos esses cortes, que são os mais populares nos açougues e mesas do Brasil, há ainda os chamados miúdos. Trata-se do grupo que engloba os órgãos internos do boi, como fígado, língua, rim, coração e miolo, mais o rabo. Com diferentes sabores e texturas, requerem cuidados especiais de limpeza ou preparo, e sua utilização varia conforma a região e a cultura local. 

 

Fontes: Instituto de capacitação profissional CPT – Centro de Produções Técnicas; SIC – Serviço de Informações da Carne; Livro "Carne & Cia", Nancy de Pilla Montebello e Wilma Maria Coelho Araújo, Editora Senac; Livro "Carnes com prazer", Ivo Camargo, Dash Editora.

 

 

 

 

 

Verdades e mitos sobre os energéticos

A bebida ajuda a perder peso - Falso. Não há nenhuma evidência científica que associe o consumo de energéticos à perda de peso. O que se sabe é que essas bebidas contêm substâncias como taurina, cafeína, glucoronolactona, inositol e vitaminas do complexo B, que podem causar um aumento de euforia, de energia e diminuição de sonolência. Tudo isso faz com que o indivíduo tenha mais disposição durante a atividade física e, consequentemente, acabe gastando um pouco mais de energia – ocorrendo, assim, um possível emagrecimento.

Não se deve misturá-lo com álcool – Verdadeiro. Há diversos relatos e alguns estudos científicos comprovando que a associação desses dois produtos faz com que os efeitos do álcool demorem mais a aparecer, retardando a sensação de embriaguez e fazendo com que a pessoa consuma maior quantidade de bebida alcoólica.

Dá mais disposição – Verdadeiro. Os energéticos proporcionam maior disposição física graças aos efeitos das substâncias presentes na bebida. O sentimento de exaustão é retardado, e é provável que se tenha um melhor rendimento nos esportes.

Pode ser consumida por todos – Falso. Pessoas com problemas de coração, pressão alta, que sofrem de insônia e hiperatividade não devem consumir energéticos, pois a bebida pode aumentar a frequência cardíaca e a pressão arterial.

Provoca perda de sono – Verdadeiro. Todas as substâncias presentes na bebida são estimulantes e energéticas, ou seja, ajudam a diminuir a sensação de sonolência e dão mais disposição. Porém, isso vai depender do metabolismo de cada indivíduo. É possível que uma pessoa consuma o produto e não tenha alterações no sono.

É feita com componentes naturais, logo é nutritiva – Falso. É comum encontrar nos energéticos taurina, cafeína, glucoronolactona, inositol e vitaminas do complexo B, que são substâncias naturais quando encontradas nos alimentos. Entretanto, no caso desta bebida, esses componentes são adicionados artificialmente e em grandes concentrações. Assim, se os energéticos forem consumidos em excesso, podem gerar problemas para a saúde.

Faz bem para a memória – Verdadeiro. Alguns estudos científicos afirmam que a utilização deste tipo de bebida melhora o desempenho psicomotor, aumenta a concentração e a memória imediata. Mas é bom lembrar que, nessas pesquisas, os componentes não foram estudados isoladamente.

Posso tomá-la diariamente – Verdadeiro. Apenas os indivíduos saudáveis, que não tenham os sintomas já citados. No entanto, o consumo máximo indicado é de uma latinha (250ml) por dia, sem misturá-la a nenhum tipo de bebida alcoólica ou medicações. Lembre-se que o melhor a fazer é consultar um nutricionista para saber se o hábito não comprometerá sua saúde.

 

 

 

 

 

 

 

14 maiores mentiras sobre saúde e alimentação

 

Por Paula Tavares

 

1. Tomar água em jejum emagrece

Mentira. Beber água em jejum é um hábito saudável que deveria ser adotado por todas as pessoas, mas não ajuda a emagrecer. "Ela apenas hidrata e limpa todas as mucosas do aparelho digestivo para poder iniciar a primeira refeição do dia", aponta a nutricionista Roseli Rossi, da clínica Equilíbrio Nutricional, em São Paulo.

 

2. Assistir televisão de perto prejudica a visão

Mentira. Segundo o oftalmologista Rubens Belfort Neto, membro da Sociedade Brasileira de Oncologia em Oftalmologia, ficar próximo à televisão não prejudica a saúde ocular. "Isso provavelmente surgiu porque a maior parte dos adultos teve perda da visão ao longo da vida, mas isso é um processo natural de envelhecimento", explica. O hábito é comum entre crianças principalmente porque assim elas vêem as imagens ampliadas.

 

3. O estômago encolhe quando comemos menos

Mentira. "Por se tratar de um órgão muscular, não há como o estômago reduzir seu tamanho apenas porque estamos ingerindo uma quantidade menor de alimentos", explica a nutricionista Maria Fernanda Cortez, da clínica Nutri & Consult, em São Paulo. O contrário, entretanto, pode ocorrer. Quando exageramos na dose, nosso estômago consegue se distender para poder armazenar toda a comida.

 

4. Comer muito doce causa diabetes

Mentira. A ingestão de doces não causa diabetes. A doença tem como principais fatores de risco histórico familiar, obesidade e sedentarismo. "Assim, quem tem uma capacidade normal de processar carboidratos no organismo não corre o risco de desenvolver o problema", explica a clínica geral Andrea Sette, do Hospital e Maternidade São Luiz. Entretanto, se a ingestão de doces levar à obesidade, então você aumenta a probabilidade de ter a doença.

 

5. Comer carboidratos após às 18 horas engorda

Mentira. O que engorda não é o carboidrato e nem o horário em que é o consumido. O problema está no consumo em excesso e na alimentação desequilibrada, portanto o segredo é a moderação. "O único cuidado que deve ser tomado por quem consome carboidratos à noite é evitar comer o tipo refinado, que promove picos de índice glicêmico e oferecem um risco maior de serem armazenados na forma de gordura", afirma Roseli Rossi. Prefira as versões de carboidratos (pães, massas, arroz) integrais.

 

6. Usar boné faz o cabelo cair

Mentira. De acordo com o dermatologista Adriano Almeida, diretor da Sociedade Brasileira do Cabelo, as pessoas confundem quebra do fio com queda do cabelo. "O uso do boné diariamente favorece a quebra dos fios justamente na região que costuma ficar marcada pela borda do acessório", explica. Assim, quem tem o cabelo mais comprido pode apresentar diminuição do volume, mas isso não significa que os fios estejam rareando em função da calvície, que é quando os fios deixam de nascer naquela região.

 

7. Alimentos integrais não engordam

Mentira. Todos os alimentos, inclusive os integrais, possuem calorias e, portanto, podem levar ao ganho de peso. Segundo a nutricionista Roseli, o fato de um alimento ser mais saudável não quer dizer que ele pode ser consumido sem moderação. "Exagerar na ingestão de alimentos integrais também pode aumentar a gordura corporal", complementa.

8. Cerveja preta aumenta a produção de leite materno

Mentira. A cerveja preta não estimula a produção de leite materno e ainda pode ser prejudicial para o bebê, alerta a ginecologista obstetra Bárbara Murayama, membro da Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo). "O álcool passa para a criança através do leite e nenhum estudo ainda conseguiu estipular uma dose segura de ingestão da bebida para gestantes", aponta.

9. Tomar leite e comer manga faz mal

Mentira. O mito de que consumir leite e manga faz mal provavelmente surgiu para impedir a ingestão desses alimentos pelos escravos na época do Brasil Império. Mas a nutricionista Maria Fernanda garante que não há qualquer relação de dano para o organismo em misturar a fruta com o laticínio.

 

10. Ler à noite ou com pouca luz piora a visão

Mentira. Ler em um ambiente com pouca luz não faz mal para os olhos. "Você pode ter dificuldade de enxergar, mas isso não quer dizer que está prejudicando a visão - mesmo que você aperte os olhos para enxergar melhor", explica o oftalmologista Rubens. Segundo o especialista, a tarefa pode ficar mais difícil com a idade, mas isso está relacionado ao envelhecimento natural do ser humano e não ao hábito de ler de noite ou com pouca luminosidade.

 

11. Quem tem colesterol alto não pode consumir ovo

Mentira. É fato que o ovo apresenta grande quantidade de colesterol em sua gema. "O que as pessoas não sabem é que apesar de aumentar o colesterol LDL (ruim), ele também aumenta os níveis de colesterol HDL (bom)", esclarece Maria Fernanda. Segundo ela, pessoas com colesterol alto podem consumir até quatro ovos por semana e, de preferência, cozidos. O ideal é evitar a versão frita, pois carrega uma gordura nociva ao organismo e que ajuda a elevar as taxas de colesterol.

 

12. Osteoporose só atinge mulheres

Mentira. "A osteoporose é quatro vezes mais comum em mulheres do que em homens, mas isso não significa que ela seja uma doença exclusivamente feminina", alerta Andrea Sette. Segundo a especialista, isso acontece devido à diminuição do hormônio estrogênio no corpo da mulher após a menopausa, que influencia diversos processos do organismo, inclusive a absorção de cálcio. No entanto, a doença também afeta a ala masculina.

 

13. Abacaxi queima gordura

Mentira. Por ajudar no processo de digestão, muita gente associou o abacaxi à queima de gordura, mas isso não passa de mito, de acordo com a nutricionista Roseli. "Ele é fonte de vitaminas e, por isso, é muito bem-vindo na dieta, mas não tem qualquer relação com a queima de gordura corporal", explica.

 

14. Andar descalço causa dor de garganta

Mentira. O contato dos pés com o chão, mesmo gelado, não afeta em nada as vias aéreas superiores, afirma a clínica geral Andrea. Os únicos perigos são ferimentos ou contato com alguma sujeira, o que pode favorecer um processo inflamatório.

 

Fonte: minhavida.com.br

 

 

 

10 produtos que você deve parar de comprar

 

Alimentos enriquecidos com Ômega 3
 

É vasta a oferta de produtos enriquecidos com Ômega 3 nos supermercados. Leite e ovos são vendidos como fonte de um suplemento alimentar importante para toda a população. O nutrólogo e cardiologista Daniel Magnoni ressalta, no entanto, que a as únicas pessoas que precisam de reforço do Ômega 3 são as que têm problemas como doenças cardiovasculares, deficiência imunológica ou de coagulação. "Tirando esses casos, esses produtos não servem para nada”.

Imóvel financiado por cooperativa habitacional

 

A cooperativa habitacional tem como princípio a associação de pessoas para a construção de suas casas, sem intermediários e sem visar lucros. O problema acontece quando, por qualquer motivo, o comprador desiste do negócio: os contratos costumam ter cláusulas que dão à cooperativa o direito de reter 30% do valor recebido em caso de desistência. Pior: como não se trata de uma relação de consumo, o consumidor tem poucas opções para reclamar.

Produtos piratas

 

A economia gerada pela compra de um produto pirata quase nunca compensa. Primeiro, porque a qualidade é inferior e sua duração, mais curta. Depois, porque eles podem oferecer riscos à saúde do consumidor. Tênis falsos causam danos aos pés, óculos prejudicam a retina, baterias de celular podem explodir e brinquedos podem se quebrar em peças pontiagudas, ferindo as crianças, exemplifica Edson Vismona, presidente do Fórum Nacional Contra a Pirataria e a Ilegalidade.

Crédito rotativo do cartão

 

Quem paga só uma parte ou o mínimo da fatura do cartão de crédito arca, segundo dados da Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade), com as taxas de juros mais altas do mercado: 10,69% ao mês, ou 238,30% ao ano. Se não der para pagar a fatura inteira, compensa mais pedir um empréstimo pessoal no banco, com taxa de 4,58% ao mês (71,15%) ou usar o cheque especial (8,25% ao mês, 158,90% ao ano).

Título de capitalização

 

Os bancos vendem o título de capitalização como um tipo de investimento: o consumidor deixa o dinheiro guardado por determinado período, o valor é corrigido e ele ainda pode concorrer a uma série de prêmios. O educador financeiro Mauro Calil destaca que a correção é prefixada e pode repor ou não a inflação. Segundo ele, em poucos casos, ultrapassa a inflação. Por isso seria melhor deixar o dinheiro na poupança.

 Desodorante redutor de pelos

 

Nos últimos anos, surgiram no mercado diferentes marcas de desodorantes que prometem reduzir a quantidade de pelos nas axilas. Uma pesquisa divulgada pela Associação de Consumidores Proteste com três produtos do tipo, porém, mostrou que eles são ineficazes quando utilizados por um período de 30 dias. E os fabricantes não informam, na embalagem, o tempo exato necessário para que os efeitos comecem a aparecer.

Aparelho de DVD

 

Não vale mais a pena comprar aparelhos de DVD, pois caiu o preço dos tocadores de blu-ray. De janeiro de 2010 até julho deste ano, o preço dos blu-ray players caiu de R$ 686, em média, para R$ 501, segundo a consultoria GFK. Já é possível encontrar, no mercado, aparelhos por até R$ 300. O professor da Poli-USP Marcelo Zuffo destaca que a troca compensa porque os blu-ray players também tocam os discos de DVD, o que evita que o consumidor perca sua coleção de filmes.

Seguro de cartão de crédito

 

Quem contrata um cartão de crédito é logo apresentado a uma modalidade de seguro que, garantem as operadoras, dará garantias ao consumidor em caso de roubo ou furto. Ainda que o valor pareça baixo, entre R$ 3 e R$ 4 por mês, é um gasto desnecessário, alerta a supervisora institucional da Proteste, Polyanna Carlos Silva. "Se o cartão foi furtado e o cliente fez o bloqueio, qualquer compra feita a partir dali será de responsabilidade da administradora".

Garantia estendida

 

Esse tipo de seguro é oferecido pelas lojas para complementar a garantia legal de eletrodomésticos e eletroeletrônicos. Só quando precisa usá-lo, no entanto, é que o consumidor descobre que existe uma série de restrições: a cobertura não é dada, por exemplo, no caso de um defeito causado por mau uso. Pesquisa do Procon-SP com consumidores que contrataram garantia estendida mostrou que a maioria não usou (63,22%) e, entre os que usaram, metade teve problemas.

Filtro solar com altíssimo fator de proteção

 

Farmácias e drogarias vendem filtro solar com FPS 15, 30, 60 e até 100. O FPS 15 bloqueia até 96% dos raios ultravioleta e o de 30, até 98%. Os produtos com FPS mais alto são mais caros, mas oferecem proteção, no máximo, de 99% - uma diferença quase inexpressiva. "Não existe vantagem em filtro acima de 30", diz Marcus Maia, coordenador do Programa Nacional de Controle do Câncer da Pele, da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

 

Fonte: Gbolso.com.br

 

 

 

7 utilidades  do Amaciante de roupas

 

O responsável por todas essas utilidades é o sal quaternário de amônio, um ótimo hidratante e fixador de perfume. Algumas marcas também trazem silicone na composição, que funciona como lubrificante e cria uma película nas superfícies capaz de repelir o pó.

 

1. Tapete novo

Depois de higienizadas, as fibras de tapetes e carpetes ficam ressecadas e ásperas ao toque. Resolva isso colocando 1/2 tampa de amaciante em dois litros de água. Transfira o líquido para um borrifador e espalhe no tapete ou no carpete, massageando as fibras com os dedos (use luvas de borracha ou descartáveis para evitar possíveis alergias). Deixe secar naturalmente e sinta a diferença!

 

2. Banheiro limpinho

O amaciante é ótimo para fazer uma limpeza suave no cômodo mais úmido da casa. Você pode usá-lo no piso, nos azulejos, no vaso sanitário, na pia, no balcão de fórmica, no ralo, nas toalhas... Dilua o produto com água ou álcool e aplique com pano ligeiramente umedecido. O cheiro de limpeza dura horas.

 

3. Livre-se de manchas teimosas

Se o óleo de peroba ou de linhaça manchou aquele móvel escuro de MDF e você já usou vários produtos para eliminar a marca (sem sucesso), experimente limpar a danadinha com uma solução de duas partes de água para uma de amaciante, usando um pano ligeiramente úmido e depois um macio e seco. Pronto, sumiu!

 

4. Lustra-móveis poderoso

Se você precisa tirar o pó dos móveis diariamente, experimente limpá-los com amaciante diluído em água na proporção indicada pelo fabricante ou um pouquinho mais concentrado. O amaciante cria uma película sobre os móveis que afasta o pó por dias e ainda deixa um brilho discreto na madeira, na fórmica, na pia da cozinha e até no fogão e na geladeira.

 

5. Vidros tinindo

O produto pode deixar os vidros limpinhos, brilhantes e sem manchas, além de repelir o pó por vários dias. Aqui vai a receita: dissolva uma colher (sopa) de amaciante em 1/2 litro de água, transfira a mistura para um borrifador e use um pano macio, que não solte fiapos, para fazer a limpeza. Espere secar e retire o excesso com uma flanela seca. Outra possibilidade: coloque um copo de amaciante no borrifador e complete-o com álcool. Espirre no vidro e passe um pano seco, em movimentos circulares.

 

6. Roupa bem passada

O ferro de passar desliza que é uma beleza nas peças borrifadas com a seguinte receita: em um litro de água dilua uma xícara (chá) de amaciante e a mesma medida de álcool. Misture bem, coloque em um borrifador e veja como rende! Fora o cheirinho gostoso que fica nas roupas, é claro.

 

7. Aromatizador de ambientes

Escolha o amaciante que tiver o aroma mais agradável e adequado ao clima que você deseja criar em casa: romântico, campestre, oriental... Em seguida, dissolva uma tampinha do produto em um litro de água, umedeça um pano limpo na mistura e aplique no piso e nas portas. Como o sal de amônio também funciona como um bom fixador de perfume, o aroma vai permanecer no ar por horas e horas!

 

 

 

O Amor está na moda

 

A Organização das Nações Unidas - ONU, estabeleceu que o ano de 2001 seria o ano internacional do voluntariado. Concluído o ano, os Comitês formados para impulsionar o trabalho voluntário e as doações em nosso país, mostraram um saldo muito positivo.

Somente em um dos estados brasileiros, quinze mil pessoas buscaram o Centro de Voluntariado com interesse em auxiliar, de alguma forma, a alguém. Um número muito maior do que o dos últimos quatro anos somados.

E, vejamos, são quarenta Centros voluntários no Brasil, que desejam transformar a experiência do ano em década do voluntariado.

Mas, não é preciso estar ligado a uma instituição para ajudar. Basta desejar dedicar seu talento e algum tempo de seu trabalho no interesse social ou comunitário.

A boa notícia nos remete aos princípios evangélicos e ao convite insistente de Jesus: "amai-vos uns aos outros."

Se recuarmos na história, verificaremos que os cristãos primitivos tinham exatamente este sentimento em seus corações.

Numa época em que não havia assistência social, em que as leis ainda não beneficiavam nem protegiam o cidadão, os cristãos eram aqueles que amparavam velhos, órfãos e crianças abandonadas.

Os espíritos superiores esclarecem, em O Livro dos Espíritos, de Allan Kardec, que numa sociedade justa, "o forte deve trabalhar para o fraco. Não tendo este família, a sociedade deve fazer às vezes desta. É a lei de caridade."

E estamos chegando lá. Estamos nos importando com o idoso, não somente criando mecanismos que lhe permitam o alimento, a moradia, o medicamento, mas igualmente que tudo isto se dê em clima de dignidade.

Estamos nos importando com os sentimentos dessas criaturas que tanto fizeram e agora se encontram de forças diminuídas, mas ainda com possibilidades de ser e de se sentirem úteis.

Estamos nos importando com as crianças que perambulam pelas ruas, nos preocupando em lhes dar instrução através da escola, mas também amor através da ação voluntária que as recebe e lhes oferece afeto.

Estamos nos preocupando com seu lazer, com seus dias de infância, a fim de que elas cresçam em clima de menos carência e mais harmonia.

Estamos diminuindo a lista dos órfãos e abandonados, graças aos corações que se abrem para se tornarem pais e mães de filhos alheios, tanto quanto humanizando as casas-lares para aqueles que não alcançam a ventura da adoção.

Em suma, estamos respirando e buscando transformar em realidade o milênio de paz que todos desejamos.

O amor está na moda. A aragem branda de Jesus invade os corações das pessoas de todas as nações. Isto é bom.

Isto nos dá maior confiança de que em breve tempo o reino de Deus se instalará, em definitivo, na terra, porque ele começa no coração de cada um.

Você sabia?

Você sabia que pesquisa recente revelou que de cada cinco brasileiros adultos, um faz trabalhos voluntários?

E que, além disso, 50% deles fazem doações para instituições e 30% para pessoas?

Tudo isto nos leva a crer que o amor está na moda e que estamos descobrindo que amar faz bem para a alma e para a vida.

 

Reportagem do dia 6.12.2001 da Folha de São Paulo, dados estatísticos extraídos da revista Seleções do Reader’s Digest, de janeiro2002, seção só no Brasil.

 

 

 

Como bloquear mensagens de SMS indesejáveis

 

Você está esperando uma mensagem e, de repente, ouve a notificação de SMS e sai correndo até seu celular para ver o que é. Ao pegar o aparelho, eis que aparece a seguinte mensagem: “Se você enviar um torpedo para 999, você ganhará um bônus de 1000 SMS.”  Apesar da história inventada, é muito comum que usuários recebam mensagens de propaganda de operadoras no celular e fiquem frustrados ao ver que, em vez do torpedo tão esperado, era só mais uma propaganda da operadora – isso, quando a empresa não envia mensagens de madrugada, acordando a pessoa.

Quem se sentir incomodado com essas mensagens publicitárias enviadas pela operadora – há quem goste, pois com elas é possível saber de novas promoções – pode cancelar o envio, pois esse é um direito dos usuários de celular. Para ajudar o internauta a fugir dessas mensagens, aí vão algumas dicas. A má notícia é que, oficialmente, só dá para pedir o cancelamento com as dicas abaixo quando a promoção é da própria operadora: se outro tipo de empresa decidir atormentá-lo com torpedos, será necessário entrar em contato direto com ela (e, se não resolver, com o Procon).

Mensagens informativas — como aquelas que divulgam a proximidade do fim do saldo do usuário pré-pago ou que comunicam o excedente de um pacote de internet — não são consideradas SMS de propaganda, pois elas são úteis para o usuário. Portanto, mesmo que o cliente opte por deixar de receber os torpedos promocionais, esse tipo de comunicado continuará sendo enviado pela operadora.

O que fazer?

“Caso o usuário de telefonia móvel esteja recebendo este tipo de mensagem, ele deve formalizar a reclamação na operadora e anotar o protocolo de atendimento. Se, mesmo assim, a operadora não parar de enviar, ele deve prestar queixa na Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações)”, aconselhou Marta Aur, assistente da direção do Procon-SP.

 

O que é um SMS de propaganda?

São classificadas como propaganda mensagens que oferecem produtos ou serviços. Por exemplo: “A operadora X firmou uma parceria com Y e quem ganha é você. Compre o produto Z com 20% de desconto” ou “Mande um torpedo para tal número e ganhe um bônus de N mensagens SMS.”

É importante ressaltar que as operadoras não são responsáveis por mensagens de terceiros. Logo, se uma pessoa cadastrou seu celular em algum formulário de uma loja ou qualquer outro tipo de serviço (como o de notícias ou horóscopo via torpedo), ele deve tratar diretamente com a empresa responsável.

 

Regulamentação recente

Apesar de a popularização da telefonia móvel ter ocorrido no fim na década de 90, as primeiras determinações sobre proibição de envio de mensagens são de fevereiro de 2008.

Na época, a Anatel estabeleceu que as operadoras apenas enviassem mensagens aos clientes com o consentimento deles. Além disso, os usuários poderiam pedir o cancelamento ligando diretamente para a operadora.

Esse direito está assegurado ao consumidor pela resolução 477 da Anatel, que trata da regulamentação do serviço móvel pessoal. “(O usuário tem o direito ao) não recebimento de mensagem de cunho publicitário da prestadora em sua Estação”

No ano passado, a Anatel definiu outra resolução sobre o assunto. O fato é que algumas operadoras embutiam no contrato de prestação de serviço uma cláusula que, após a assinatura, automaticamente o usuário concordava em receber propagandas. O órgão regulador estabeleceu que esse tipo de opção deve ser feita de forma clara e ser optativa.

 

 

Todas as operadoras oferecem formas para cancelamento conforme abaixo:

 

CLARO – Pra cancelar o recebimento de mensagens e serviços, o cliente deve enviar a palavra “sair” para 888, ou solicitar o bloqueio pelo canal 1052.

TIM – Sobre torpedo/SMS promocional, o cliente pré-pago é perguntado se quer recebe-los ao realizar a primeira ligação. Também é possível solicitar bloqueio enviando SMS com a palavra “sair” para o 4112 ou ligando para *144.

OI – Basta enviar SMS com a palavra “sair” para o número 55555 ou desativar o serviço pelo portal de relacionamento da Minha Oi.

VIVO – O cancelamento de SMS pode ser feito pelo portal www.vivo.com.br, pelo *8486, nas lojas e até por SMS.

GVT – Suspensão do contrato pode ser feita pelo site www.gvt.com.br/portal/site/minhagvt/faleComGvt.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Por que você não deve dormir junto com seu celular

 

Dormir com o telefone celular próximo à cama, ou ainda embaixo do travesseiro, é uma atitude corriqueira de muitas pessoas hoje em dia. De acordo com uma nova pesquisa da Ofcom, 8 em cada 10 pessoas dormem próximas aos seus celulares todas as noites. Uns usam o aparelho como despertador, enquanto outros simplesmente não conseguem desgrudar de suas redes sociais – mesmo dormindo.

 

Por que você não deve dormir junto com seu celular

 

Entretanto, especialistas da área da saúde alertam que este hábito pode arruinar seu sono e causar problemas de saúde em longo prazo, como a insônia.

 

O principal culpado por arruinar nosso sono é a luz brilhante das telas dos telefones celulares. A luz emitida por celulares, tablets e e-readers contém grande quantidade de cor azul, que possui um efeito mais estimulante do que luz normal do dia. Esta luz estimula as células em nossos olhos a acreditar que ainda é dia. E por causa da forma como dormimos, se o seu telefone faz você acordar durante a noite, você tem mais chances de ficar acordado.

 

“Nós dormimos em ciclos de uma a duas horas, com breves momentos de despertar, que normalmente passam despercebidos. Entretanto, um flash de luz ou vibração do seu telefone a partir de uma mensagem de texto pode torná-lo consciente. Isso decorre de nosso passado evolutivo, quando, se ficássemos dormindo, havia uma grande chance de acabar como lanche de outro predador. Assim, o cérebro desperta para verificar se há perigo”, disse Dr. Guy Meadows, especialista em insônia na Escola do Sono em Londres.

 

Brilho, duração, hora do dia e a distância da luz proveniente do celular também são fatores-chave que podem ter impacto sobre seu sono. É por isso que especialistas recomendam que você evite ficar exposto ao brilho da tela entre duas a três horas antes de ir dormir. Ler um livro é uma alternativa melhor. Mas a tentação causada por uma notificação do Facebook ou uma mensagem de texto às vezes é demais para resistir.

 

A maioria dos especialistas recomenda que você deixe o seu telefone em um cômodo diferente ou desligado durante a noite. [News.com.au]

 

 

Vitamina D – Brasil

 

Notícias e pesquisas sobre vitamina D.

 

 Estudo mostra que crianças com distúrbios mentais graves também têm menos vitamina D

 

Revertendo a esclerose múltipla com a paleodieta, aumentando a vitamina D e evitando aditivos artificiais →

 

7 coisas surpreendentes que você não deve saber sobre a exposição à luz solar e protetores solares

 

Publicado em 19 de fevereiro de 2013 por Vitamina D - Brasil

 

Pergunte à alguém sobre proteção solar e provavelmente você receberá uma repreensão desinformada de uma pessoa que foi mal instruída pelas autoridades de saúde e os meios de comunicação. Quase nada do que você ouve sobre protetores solares na mídia tradicional é correto. Então aqui está um guia rápido com as sete coisas mais importantes que você precisa saber sobre proteção solar, luz solar e vitamina D:

 

# 1) O FDA se recusa a permitir que os ingredientes naturais de proteção solar sejam usados em produtos bloqueadores/protetores solares

 

É verdade: Se você criar um protetor solar verdadeiramente natural, utilizando plantas exóticas com poderosas propriedades de proteção solar, você nunca será capaz de vendê-lo como um produto de “filtro solar”. Isso porque o FDA decide o que pode ser usado como protetor solar e o que não pode, independentemente do que realmente funciona no mundo real. E há realmente apenas dois ingredientes naturais que a FDA permite usar nos produtos de proteção solar, o óxido de zinco e dióxido de titânio.

 

Quaisquer outros ingredientes naturais em produtos de proteção solar, que seja vendido como “protetor solar” é considerado como erroneamente classificado pelo FDA, e o resultado é que serão confiscados … mesmo se eles oferecem uma proteção solar fantástica!

 

Não é surpreendente que este monopólio total sobre as propriedades químicas dos protetores solares seja projetado para proteger os lucros das empresas químicas, enquanto marginaliza as empresas de produtos naturais que poderiam facilmente formular soluções muito melhores. Eu pessoalmente tenho conversado com os fundadores das empresas de diversos produtos de saúde que descobriram formulações de protetores solares incríveis usando nada mais do que vegetais naturais, mas o FDA não permitirá que eles comercializem os seus produtos como protetor solar!

 

É apenas mais um exemplo de como a FDA se coloca no caminho da inovação em saúde.

 

# 2) Quase todos os protetores solares convencionais contêm substâncias cancerígenas.

 

Leia a lista de ingredientes de qualquer protetor solar vendido no Wal-Mart, ou Walgreens, ou qualquer loja convencional. Eu desafio você!

 

Você não será capaz de pronunciar a maioria das substâncias químicas encontradas na lista de ingredientes. Isso porque a maioria dos protetores solares é formulada com substâncias químicas que causam câncer, como os parabenos, fragrâncias, álcool, solvente forte e óleos derivados do petróleo. Um protetor solar típico literalmente faz um ataque químico em seu corpo. É por isso que as pesquisas mostram que o uso de protetores solares causa mais câncer do que previne. http://www.naturalnews.com/023317_skin_chemicals_products.html).

 

# 3) Em uma nação onde mais de 70% da população é deficiente de vitamina D, o protetor solar realmente bloqueia a produção de vitamina D.

 

A deficiência de vitamina D é provavelmente a deficiência mais difundida na América do Norte. Segundo pesquisas, 70 por cento das pessoas brancas são deficientes em vitamina D e até 97% dos negros são deficientes (http://vitaminad3.wordpress.com/tag/deficiencia/).

 

A deficiência crônica de vitamina D promove o câncer (http://vitaminad3.wordpress.com/tag/cancer/),  gripes, infecções, depressão, osteoporose e desequilíbrios hormonais. A vitamina D produzida naturalmente pelo corpo pode prevenir sozinha entre 50% e 80% de todos os cânceres

(http://vitaminad3.wordpress.com/2013/02/14/a-vitamina-d-reduz-o-risco-de-cancer-em-77-por-cento-a-industria-da-doenca-se-recusa-a-apoiar-a-prevencao-desta-doenca/).

 

Ao bloquear a produção de vitamina D na pele, os produtos de proteção solar realmente contribuem para o câncer e a promoção de deficiências nutricionais.

 

Isso não significa que você deve parar de usar um protetor solar, claro. Se a sua pele é muito clara e você está planejando um dia na praia no Havaí, obviamente se beneficiaria de algum nível de proteção contra o sol usando um protetor solar verdadeiramente natural. Mas uma pessoa informada permitiria sua pele atingir um bronzeado saudável e natural (sim, um bronzeado é verdadeiramente saudável se combinado com uma boa nutrição, veja abaixo) através de níveis de exposição razoáveis que ativem a produção de vitamina D na pele.

 

# 4) Você pode aumentar sua resistência solar interior, alterando o que você come.

 

Aqui está o verdadeiro segredo de exposição ao sol que ninguém na medicina convencional está dizendo (porque, como sempre, são lamentavelmente ignorantes em nutrição): Você pode aumentar a sua proteção solar interior consumindo alimentos ricos em antioxidantes e superalimentos.

 

O suplemento de astaxantina, por exemplo, é muito bem conhecido por aumentar a resistência natural da sua pele para queimaduras solares. Seus carotenóides lipossolúveis realmente são transportados para as células da pele que a protegem contra a exposição aos raios UV.

 

Quando você tem mais antioxidantes naturais em sua dieta, sua pele é mais capaz de evitar as queimaduras. Quase todos acreditam, erradamente, que a resposta de queimadura de sol de uma pessoa é puramente um fator genético. Eles estão errados. Você pode melhorar radicalmente a sua resistência aos raios UV fazendo mudanças em sua dieta.

 

Eu sou um grande exemplo disso, na verdade, como eu queimava minha pele depois de ficar apenas 20 ou 30 minutos sob o sol, quando eu estava em uma dieta de junk food. Mas agora, como alguém que come superalimentos e suplementos nutricionais high-end todos os dias, posso passar horas sob o sol e minha pele só ficará ligeiramente avermelhada (que desaparece algumas horas mais tarde não resultando em uma queimadura ou descamação da pele).

 

Com excessão uma vez em uma visita de um dia a um parque aquático, eu não uso filtro solar há mais de 8 anos. Eu passo muito tempo sob o sol e não tenho absolutamente nenhuma preocupação com o câncer de pele. Minha pele, a maioria das pessoas me dizem, parece consideravelmente mais jovem que minha idade biológica. Isto não e por causa dos produtos de proteção solar, e sim nutrição. Exposição solar não faz com que a sua pele envelheça se você segue uma dieta nutricional de alta densidade.

 

# 5) A exposição aos raios UV sozinha não causa câncer de pele.

 

É um mito médico completo que “a exposição aos raios UV cause câncer de pele.” Esta ideia falsa é uma fabricação total da comunidade médica ignorante (dermatologistas) e empresas de protetores solares com fins lucrativos.

 

A verdade é realmente mais complicada: O câncer de pele pode ser causado quando a exposição UV é combinada com crônicas deficiências nutricionais que criam vulnerabilidades na pele.

 

Para desenvolver o câncer de pele, em outras palavras, você tem que comer uma dieta de junk food, evitar antioxidantes protetores, e em seguida também expor sua pele excessivamente ao sol. Todos estes três elementos são necessários. A medicina convencional ignora completamente as influências da dieta e se concentra inteiramente em um único fator: Usar protetor solar versus não usar protetor solar. Esta é uma abordagem unidimensional da questão que é grosseiramente simplificada ao ponto de ser enganosa.

 

A indústria médica, ao que parece, não quer que as pessoas descubram poder literalmente comerem sua via para uma pele mais saudável. É incrível, realmente: Sua pele é feita integralmente dos alimentos que você come, então como poderia a dieta não afetar a saúde da sua pele? No entanto, ninguém na medicina convencional – nem os dermatologistas, nem médicos e nem os reguladores de saúde – ninguém têm a honestidade intelectual de admitir que o que você come determina, em grande parte, como a nossa pele reage à exposição UV.

 

# 6) Nem todos os protetores solares “naturais” são realmente naturais.

 

Tenha cuidado ao comprar os protetores solares chamados “naturais”. Embora existam alguns lá fora, muitos são apenas alguns exemplos de propagandas enganosas, onde eles usam termos como “natural” ou “orgânico”, mas ainda contém cargas de produtos químicos sintéticos assim mesmo.

 

Um bom guia para verificação de protetores solares é o guia do Environmental Working Group (EWG) em: http://www.EWG.org/skindeep/

 

 

Alguns dos produtos que são verdadeiramente naturais incluem Loving Naturals Sunscreen e Badger All Natural Sunscreen. Leia os rótulos de ingredientes. Não use produtos de proteção solar que contenham ingredientes que soam como produtos químicos:

 

• Metil …• propil …• butil …• Etyl …• Triet …• Diet…etc

 

Sempre compre produtos de proteção solar sem perfumes a menos que, por algum motivo, você aprecie cobrir a pele com produtos químicos de fragrâncias artificiais. Um protetor solar típico tem mais do que uma dúzia de fragrâncias químicas causadoras de câncer que são absorvidas pela pele. A maioria dos protetores solares, quando aplicados conforme as instruções, são realmente banhos químicos tóxicos que sobrecarregam fortemente o seu fígado e que podem lhe causar câncer.

 

# 7) Muitos protetores solares “livres de químicos” são carregados com produtos químicos

 

Faça uma busca na Amazon.com por produtos de proteção solar “livres de químicos” e verá uma listagem de:

 

Jason Natural Cosmetics – Earth’s Best Sun Block Chemical Free, 4 oz cream

 

Clique sobre o produto e você vai encontrar uma lista de ingredientes, incluindo: benzoato de alquila C12-15, Caprylic/Capric Triglyceride, isoestearílico de sorbitano, sorbitano de sorbitano, palmitato etilhexil, Macadamiate de etila, cálcio amido Octenylsuccinate, Stearalkonium Hectorite.

 

Então, como é que esses produtos não são produtos químicos? Palmitato Etilhexil não é um produto químico? Quem são essas pessoas que estão brincando? A descrição da Amazon.com (título) deste produto é falsa e enganosa. Para ser justo, no entanto, o título do produto parece ter sido adicionada no sistema Amazon.com pelo vendedor e não pela empresa Jason. Mas é um exemplo de como a informação proveniente de vendedores online muitas vezes pode ser enganosa.

 

Sempre leia os ingredientes de qualquer protetor solar antes de usar.

 

Cuidado com o campo minado da desinformação sobre produtos de proteção solar

 

Talvez os produtos de proteção solar, mais do que qualquer outro produto de cuidados pessoais, carregam informações “oficiais distribuídas através da mídia que são irremediavelmente enganosas (para não dizer falsas). Surpreendentemente, ninguém na mídia ou o governo está disposto a admitir que produtos químicos de fragrâncias são ruins para a saúde. Da mesma forma, ninguém está disposto a admitir que os produtos químicos  que são colocados na sua pele são ABSORVIDOS por ela.

 

Sem estas duas verdades serem reconhecidas, o restante do que eles dizem sobre filtros solares é conversa inútil. Qualquer discussão honesta sobre proteção solar deve reconhecer a verdade simples que os produtos químicos são colocados na pele são absorvidos através dela, e que os produtos solares são feitos de um coquetel de produtos químicos que causam câncer.

 

Esta é a verdade sobre os protetores solares que tanto a indústria do câncer como os que fabricam produtos de proteção solar não querem que você ouça. É o pequeno segredo sujo: quanto mais você usa estes produtos, mais chances de que seu corpo fique doente (E mais dinheiro os centros de câncer fazem “tratando” seu câncer com produtos químicos ainda mais mortais conhecidos como quimioterapia.)

 

Portanto, seja um comprador cuidadoso. Produtos de proteção solar são um campo minado de mentiras, desinformação e fraude para mantê-lo ignorante sobre a importância da exposição ao sol e os riscos à saúde associados ao uso de substâncias químicas que causam câncer de pele.

 

Fique com os produtos de proteção solar verdadeiramente naturais (quando necessários) e tente construir um bronzeado saudável, consumindo superalimentos e antioxidantes na sua dieta. Considere a adoção da astaxantina e outros nutrientes lipossolúveis. Beba sucos de frutas frescas diariamente e coma vegetais carregados de nutrientes vivos. Exponha-se à luz solar pelo tempo de criar um bronzeado saudável e que você não precise de nenhuma proteção solar. Contrariamente a todas as informações erradas que nós todos temos sido alimentados, um bronzeado saudável é na verdade um bom sinal de que você está conseguindo uma adequada síntese de vitamina D em sua pele.

 

Tradução Vitamina D – Brasil

 

Fonte NaturalNews.com

 

Veja também os vídeos relacionados:

 

Dr. Mercola – Dicas para desfrutar o verão ao ar livre

 

Dr. Mercola – A importância e os benefícios da astaxantina

 

http://vitaminadbrasil.org/2013/02/19/7-coisas-surpreendentes-que-voce-deve-nao-saber-sobre-a-exposicao-de-luz-solar-e-protetor-solar/

 

 

 

 

 

Aprenda a bloquear o seu celular! Truque Anti-Roubo / Perda!
Se você perder ou for assaltado ninguém poderá usar o seu celular!

A DICA E MUITO INTERESSANTE, ATE PORQUE, POUCA GENTE TEM O HABITO DE LER MANUAIS!

Com a venda do “Chip”, o interesse dos ladrões por aparelhos celulares aumentou.
Ficou simples para eles:  é só comprar um novo chip por um preço médio de R$20,00 em uma loja ou operadora e instalar no aparelho roubado.
Com isso, generalizou-se o roubo e furto de aparelhos celulares.
Segue então uma informação útil que os comerciantes de celulares não divulgam, uma espécie de “vingança” para quando roubarem seu celular:

Para obter o “Numero de Serie” (IMEI) do seu telefone celular (GSM), digite: *#06#
Aparecerá no visor um código de 15 a 17 algarismos. Esse código é único!
Anote-o, e o conserve com cuidado.
Se roubarem seu celular, telefone para a sua operadora e informe este código.
O seu telefone poderá ser completamente bloqueado, mesmo que o ladrão mude o “Chip”!

Provavelmente você não recuperara o aparelho, mas quem o tenha roubado não poderá mais utiliza-lo!

Se todos tomarem esta precaução o roubo de celulares se tornará inútil!

Teste no seu celular e passe esta informação para seus familiares, amigos e colegas!

 

Um assunto sério.
 Aos especialistas em Direito (Eleitoral), para as devidas explicações sobre a veracidade dessas informações!
Você sabe pra que serve o VOTO NULO?
Não sabe, não é mesmo?
Não se preocupe, eu acredito que menos de 1% da população saiba algo sobre isso…
Agora, você sabe por que você não sabe pra que serve o VOTO NULO?
Então, vamos a um exemplo:
Imagine uma eleição qualquer, onde os candidatos sejam: Lula, Paulo Maluf, José Dirceu, Marcos Valério, Delúbio Soares, Roberto Jefferson,  Serra, Heloisa Helena, Fernando Henrique entre outros.
Campanha vai e campanha vem, você se acha na obrigação de escolher uma dessas figuras (o tal do “menos ruim”) e com isso acaba afundando mais o nosso país!
Mas, aí você diz: “Nesse caso, não temos saída!”.
Engano seu!
*O QUE VOCÊ NÃO SABE É QUE SE UMA ELEIÇÃO FOR GANHA POR “VOTOS NULOS” É OBRIGATÓRIO HAVER NOVA ELEIÇÃO COM CANDIDATOS DIFERENTES DAQUELES QUE PARTICIPARAM DA PRIMEIRA!*
Ainda não entendeu?
Se, no exemplo de eleição acima, você e todo mundo votasse nulo, seria obrigatório haver uma NOVA ELEIÇÃO e esses pilantras não poderiam concorrer ao mesmo cargo político pelo menos por mais 04 anos!
Isso imagino que (como eu) você ainda não sabia, não é?
Agora você entendeu por que isso nunca foi divulgado?
Acha que é mentira?
Ligue para o Superior Tribunal Eleitoral…
Ligue para OAB…
Aproveite e ligue também para a Folha de São Paulo, O Estado de São Paulo, O Globo, O Diário Catarinense, O Estado do Paraná, A Gazeta do Povo e todas as revistas e jornais importantes desse país, então lhes pergunte por que isso nunca foi divulgado?
Por favor, também repasse a TODOS seus amigos essa valiosa informação!
Segundo a legislação brasileira, se a eleição tiver 51% de votos nulos, o pleito é ANULADO e novas eleições têm que ser convocadas imediatamente; e os candidatos concorrentes são IMPOSSIBILITADOS DE CONCORRER NESTA NOVA ELEIÇÃO!
É disso que o Brasil precisa: um susto nessa gente!
Podemos usar a internet para disseminar essa informação e iniciar a CAMPANHA DO VOTO NULO, como candidato oficial da web brasileira.
Quem sabe assim os políticos deixem de assoar o nariz em nossa bandeira!
Essa campanha vale a pena!
Repassem por favor!!!!!!!!!!!

 

 

 

Por que a cerveja congela se pegarmos no meio da garrafa?

É pura química. Afinal de contas, ninguém mandou agitar moléculas com essa sua mão boba.

por Camila Monroe
A cerveja está lá, paradinha no freezer, perfeita para saciar a sede. Na pressa, você pega a garrafa de qualquer jeito, se esquecendo daquela aula de química em que o professor disse que, ao serem estimuladas por fatores como calor ou movimento, as moléculas de uma substância reagem. No caso da cerveja, elas reagem muito mal, passando de líquidas para sólidas, agitadas pela proximidade da mão de quem vai servir (ver abaixo, Exame do toque).
Claro, as garrafas de cerveja não são as únicas sujeitas ao congelamento instantâneo. Acontece que, diferentemente de sucos, refrigerantes ou mesmo latinhas de cerveja, elas costumam ser armazenadas em lugares que marcam menos de 0º – é essa exigência por uma loira tão gelada que a deixa sempre a perigo. Mas calma: não precisa começar a beber cerveja quente. É só lembrar-se de pegar a garrafa sempre pelo gargalo.
Exame do toque
Entenda a pegada que congela a cerveja.
1. Abaixo de zero
Se a cerveja é feita basicamente de água, deveria congelar em uma temperatura negativa, não? Ou aquele -5º do freezer do bar é só decoração? Calma, não estão enganando você. Acontece que, por ficarem paradinhas dentro da garrafa, as moléculas “esquecem” de virar cristais de gelo. Aí vem a sua mão quentinha para lembrá-las.
2. Mão boba
Quando você encosta na garrafa, sua mão esquenta o vidro, o que não é nada bom. Há duas opções melhores: pegar pelo gargalo, onde não há contato com o líquido, ou pela parte de baixo, onde o vidro mais grosso funciona como isolante, dificultando o congelamento.
3. Estupidamente gelada
O gás carbônico presente na cerveja se solta das paredes da garrafa, causando uma agitação interna. Um único cristal se forma, e vai dando origem a muitos outros, que originam outros… que transformarão toda a água em gelo. A saideira?
Fontes Luciano Horn, gerente corporativo de desenvolvimento de cerveja da AmBev, a Companhia de Bebidas das Américas.
 

Saiba como reduzir o valor da conta de luz no inverno.

Com a chegada da estação, sempre vale divulgar algumas dicas para economizar.
Algumas dicas importantes: passe todas as roupas de uma só vez, desligue as luzes quando deixar um cômodo diminua o tempo do banho, use menos ar condicionado, abra as cortinas ao invés de ligar a luz, troque as lâmpadas queimadas e substitua lâmpadas incandescentes por fluorescentes
Principalmente na época de inverno, temos de reciclar nossos hábitos em relação a uso de energia elétrica em nossas casas. Um deles é o chuveiro. Existe uma velha dica para economizar energia elétrica em nosso banho diário, como desligar o chuveiro enquanto o corpo estiver sendo ensaboado, e só ligá-lo novamente na hora de enxaguar, mas poucos fazem isto.Também temos de tomar maiores precauções com o uso do ferro elétrico e do ar condicionado, pois ambos gastam mais energia que o chuveiro. De acordo com as empresas de energia, um ferro de passar ou um aparelho de ar condicionado funcionando por 8 horas por dia resulta gasto de energia elétrica de aproximadamente R$ 77,00, e o chuveiro, durante 40 minutos, custa R$ 14,00.Na cozinha, é a geladeira que gasta. O teste é antigo: coloque uma folha de papel na porta da geladeira. Se ele cair, ou sair facilmente, a borracha precisa ser trocada.Outro passo importante é substituir as lâmpadas incandescentes pelas fluorescentes compactas. A ABilumi – Associação Brasileira dos Importadores de Produtos de Iluminação disponibiliza a calculadora de eficiência energética no seu site (http://www.abilumi.org.br/) que permite calcular a economia que pode ser obtida na conta de luz mensal com a troca de uma ou mais lâmpadas incandescentes por lâmpadas fluorescentes compactas, o total economizado em um ano e o valor a ser economizado durante toda a vida útil da lâmpada. Ela demonstra que é possível economizar cerca de R$ 2,00 (dois reais) por mês, por lâmpada (no caso de substituir a incandescente de 60W por uma econômica de 15W), o que traz vantagens financeiras para o consumidor, tanto no inverno como no verão.
Também há outro tipo de perda de energia que muito pouca gente conhece e que acontece quando um interruptor é mantido ligado apesar da lâmpada fluorescente estar queimada. “Todas as lâmpadas fluorescentes têm um pequeno aparelho chamado reator, que não pára de funcionar mesmo quando a lâmpada está queimada, acarretando um desperdício de 20 a 25%, pois a energia continua passando pela lâmpada, mas se o interruptor estiver desligado, não há consumo” explica Alexandre Cricci, presidente da ABilumi.
Outro problema pode ser a chamada “fuga de energia”, que pode ser ocasionada por algum fio elétrico mal isolado. Para saber se isso ocorre na sua casa, apague todas as luzes, tire os aparelhos da tomada e observe o relógio de luz. Se continuar girando, significa que há fuga de energia e é hora de chamar um eletricista.
Enfim, economia de energia tem relação com a atenção para muitos vilões do desperdício residencial de energia e uma série de mudanças sutis podem trazer resultados surpreendentes para quem paga a conta.
Fonte: Assessoria de Imprensa da ABilumi, por Valentina Meyer

 

Armadilha ecológica para mosquitos.

(Serve para qualquer mosquito, até o comum “pernilongo”
ou mesmo o da dengue.
)

Como matar mosquitos ecologicamente correto.
Para ajudar com a luta contínua contra os mosquitos da dengue e a dengue hemorrágica, uma idéia é trazê-los para uma armadilha que pode matar muitos deles.
O que nós precisamos é, basicamente:
200 ml de água,
50 gramas de açúcar mascavo,
1 grama de levedura (fermento biológico de pão, encontrado em qualquer supermercado ) e uma garrafa plástica de 2 litros
A seguir estão os passos a desenvolver:

1. Corte uma garrafa de plástico no meio. Guardar a parte do gargalo:


 

2. Misture o açúcar mascavo com água quente. Deixar esfriar. Depois de frio despejar na metade de baixo da garrafa.

 

3. Acrescentar a Levedura. Não há necessidade de misturar. Ela criará dióxido de carbono.

4. Colocar a parte do funil, virada para baixo, dentro da outra metade da garrafa.

 

5. Enrolar a garrafa com algo preto, menos a parte de cima, e colocar em algum canto de sua casa.

 

Em duas semanas você vai ver a quantidade de mosquitos que morreram lá dentro da garrafa.

 

Além da limpeza de suas casas, locais de reprodução do mosquito, podemos utilizar esse método muito útil em escolas, creches, hospitais e residências.
Não se esqueça da dengue.

 

FERVER ÁGUA NO MICROONDAS É PERIGOSO?

Só quando se deixa o líquido por tempo demais. Ao contrário de um forno convencional em que os alimentos são aquecidos de fora para dentro, as microondas esquentam o alimento de dentro para fora. Quando se deixa um líquido por tempo demais nesse forno, pode acontecer de a parte do centro estar a uma temperatura ligeiramente superior aos 100ºC necessários para a água ferver, mas sem que ela se transforme em vapor. Esse fenômeno é chamado de superaquecimento. Qualquer perturbação na água superaquecida, tal como movimentar o recipiente ou introduzir uma colher ou um saquinho de chá, vai levá-la à brusca passagem ao estado de vapor. Se a água tiver ficado muito tempo esquentando no microondas, grande parte dela pode passar a vapor, de forma explosiva, podendo causar queimaduras. No entanto, nos microondas que têm um prato giratório, a vibração causada por esse movimento é suficiente para que a água não seja superaquecida. “Quando quiser esquentar água ou outro líquido qualquer, além de seguir à risca a orientação do fabricante, coloque dentro do recipiente um misturador ou palito de madeira – nunca de plástico, porque certos plásticos aquecidos no microondas podem liberar substâncias tóxicas”, ensina a médica Elisabete Almeida, especialista em Qualidade de Vida e editora médica da Universidade de Harvard.

 

 

Cadastre seu e-mail e receba novas atualizações do site.

Assine a nossa newsletter:


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!